quinta-feira, 23 de setembro de 2010

Hayek sobre Keynes.



Se fosse Hayek, eu responderia a pergunta do reporter da seguinte maneira: bem, Keynes foi importante porque ele deu aos políticos um argumento teórico forte, mas completamente errado, para defender o aumento do governo e dos gastos públicos e é por este motivo que o keynesianismo ainda não está morto. Os keynesianos são minoria entre os economistas, mas são maioria absoluta entre os politícos. São os interesses politicos em utilizar as ferramentas econômicas para ganhar poder que mantem o keynesianismo vivo pois sob aspectos de validade econômica,nem as cinzas existem mais. O fato de que o mal uso dessas ferramentas pode trazer consequências econômicas catastróficas não importa, porque segundo o próprio Keynes, estamos todos mortos no longo prazo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário