sábado, 10 de abril de 2010

O mais bairrista da história.

A internet é uma maravilha!! Você se diverte mesmo quando está procurando notícias sobre futebol. Vejam o que eu encontrei, já vi muitos comentários bairristas, principalmente quando vejo jogos internacionais na Band (doutor Osmar e Neto falam cada coisa!!), mas o comentário desse Washington Fazolato ganha de todos.

Jornalistas não deveriam ser imparciais??

2 comentários:

  1. O que é "ser imparcial?".
    Lembre-se que comento futebol.
    Espero que tenha uma boa resposta.

    wfazolato@esporteesportivo.blog.br
    Um forte abraço!

    ResponderExcluir
  2. Ser imparcial, nesse caso, é analisar o jogador sem se importar com a nacionalidade do mesmo. No seu perfil você diz que o futebol brasileiro é o melhor, inquestionávelmente. Mesmo que isso seja verdade (não acho que seja tão inquestionável), você não pode tomar isso como um axioma, pois se o fizer, chegará a conclusão que acho que você chegou: se o futebol brasileiro é o melhor do mundo, então todo jogador brasileiro é melhor que todo jogador de outras nações. Me parece que foi essa lógica que o levou a concluir que o Drogba está abaixo do nível de jogadores como Fred, Adriano (de hoje), Nilmar, Robinho, sem falar na igualdade com Obinna e Souza. Para ser breve, vou levantar duas questões contra seu post: você está no meio esportivo e com certeza sabe que praticamente todos os jornalistas esportivos (inclusive os da EI) discordam de você; sendo que o futebol é um mercado aberto, os melhores jogadores tendem a estar onde se paga mais (grandes centros da Europa), isso leva a crer que todos os jogadores que você citou adorariam ser o titular do Chelsea no lugar do Drogba, e só não o são porque não tem nível para jogar em times de ponta de grandes centros.
    Antes que você venha com argumentos do tipo adaptação e preconceito contra brasileiros, pense que Robinho ficou 4 anos na Europa e não engrenou, Fred ficou 3 (em um campeonato mais fraco), Nilmar foi pra França e voltou, Adriano teve uma fase especular mais ninguém nunca mais viu o "imperador", Souza e Obinna então.....

    Você é bairrista sim!! Não te culpo, sei que a mídia enfrenta pressão dos brasileiros para dizer o que eles querem ouvir. Mas você não precisa ir longe, converse nos bastidores com o pessoal da EI, para ver que muitos irão discordar de você.

    Pode dizer o que pensa aqui. Não vou excluir seu comentário como você fez com o meu no seu blog, e antes diga que fui desrespeitoso e por isso você excluiu, lembre-se que isso não é verdade.
    Além disso tudo, seu argumento de comparação é extremamente fraco. Para comparar um jogador que joga no Brasil com um jogador da Inglaterra você tem que levar em consideração que o nível de lá é muito maior do que o que se joga aqui. Isso fica muito claro quando pensamos em jogadores que são mosntros aqui e vão para o exterior e lá não fazem sucesso, a lista destes é enorme.
    É uma análise simples, pense em quantas vezes vemos um jogador profissional e dizemos que ele não jogaria nem no nosso time de várzea. No nível em que eu jogo meu futebol de fim de semana, existem jogadores que se destacam absurdamente, são de outro nível, mas estes mesmos jogadores tentaram testes em muitos times grandes e não conseguiram entrar em nenhum, tenho certeza que todo mundo conhece alguém muito bom de bola mas que não consegue passar em teste de times grandes. Acontece que o nível é diferente. No futebol profissional é a mesma coisa, o Robinho destroi aqui, dá chapéu, marca gol, ganha títulos e todo mundo pensa que ele é melhor que um jogador do Liverpool, que não dá chapéu e nem marca tantos gols. O resultado desse raciocínio imcompleto são opiniões iguais à sua. O futebol brasileiro pode até ser o melhor, mas com certeza os campeonatos nacionais não o são. Penso que o brasileirão é atualmente, em termos de qualidade média do jogo, o 5º melhor do mundo. Está atrás de, em ordem: Inglês, Alemão, Espanhol, Italiano.

    ResponderExcluir